Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Apetites e Soneiras

por diariodeumabarriga, em 01.04.13

Uma vez que a criança me deu uma boa noite e que até se encontra bastante calminho hoje, apetece-me falar dos estranhos apetites que me foram surgindo ao longo destes meses (ou semanas, que agora é tudo visto à semana) e das carradas de sono que vinham sobre mim nos momentos mais inoportunos.

 

Tenho que admitir que antes de estar grávida já me davam uns apetites estranhos e claro, mandavam-se sempre aquelas bocas "ah queres ver que estás grávida!" e uma pessoa diz "então pois!" ou "Deus me livre! Cruzes credo!". Por isso, o facto de me apetecer massa à bolonhesa da F., qualquer tipo de sopa,coca-cola e gelados que só visto (principalmente aquele Swirl da Rádio Comercial que ainda me faz salivar) nunca me levou a imaginar que pudesse ser verdade. Mas admito que comecei a estranhar quando eu, pessoa que não conseguia comer espinafres nem agrião, comecei a comer pratos atrás de pratos de sopa de espinafres e salada de agrião. Sim, era estranho...mas sabia-me tão bem! O que é que eu podia fazer? Pois, nada. Comia que só visto e ainda achava que era pouco. Depois pronto, tudo começou a fazer sentido a partir do momento em que conheci o pimpolho! E a partir daí as coisas não mudaram muito...vá, sopa continuo uma perdida mas já estou mais contida (acabaram-se os apetites à meia-noite). Gelados já raramente me apetece (penso que será do tempo) e coca-cola nem posso vê-la à frente...mas o que eu gosto mesmo é de bolachas de chocolate! Oh se gosto...até já tive o privilégio de pedir ao marido e ele ir às dez da noite comprar pacotes de bolachas só para mim!!!

Quanto a cheiros e coisas desse género...não houve grandes alterações a não ser o Manjericão que é o meu actual inimigo e o Jasmim com o qual tenho uma relação muito boa actualmente e que antes, nem vê-lo!

 

Falando agora de sonos, já me encontro melhorzinha, obrigado! Nunca fui uma pessoa de dormir muito. Não gostava, achava uma perda de tempo! E ninguém me conseguia tirar esta ideia...por isso era o mínimo indispensável para manter a beleza. Mas não é que comecei a ter um sono descomunal?! O despertador tocava, eu sentava-me na cama e adormecia. Eu estava nas aulas e adormecia. Eu estava a conversar com a minha mãe e ela ficava a falar para o boneco. Até a conduzir me dava vontade de fechar os olhos. Eu cheguei a vir embora das aulas só para dormir!!! (Pimpolho, espero que não tenhas dormido tudo nessa altura e que quando vieres durmas que nem um santinho, sim?) Mas pronto, essa fase passou um bocadinho...em Dezembro cheguei a estar quase 48h sem pregar olho (um exagero mas que eu não sei como é que aconteceu, só não conseguia dormir). Actualmente tenho que jantar cedo porque assim que me sento no sofá é meio caminho andado para desligar. Espero entretanto conseguir dormir bastante para me sentir com energia para o que aí vem!

 

Por hoje fico-me por aqui...ou então vou comer qualquer coisinha.

publicado às 16:11



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog




Bloglovin

Follow on Bloglovin

Quem por cá passa


Facebook